Sindicato repudia com veemência tentativa da direção da Caixa de censurar entidade

Sex, 21 de Março de 2014
A Caixa Econômica Federal veio em cena com uma atitude antidemocrática que partiu da área de pessoas no início deste mês. Autoritária, a empresa tentou impedir diretores do Sindicato de entregar o questionário da pesquisa sobre saúde e condições de trabalho da categoria que está sendo realizada pela entidade sindical.

Ao questionar os diretores do Sindicato, a área de pessoas da Caixa chegou a afirmar que a entrega da pesquisa deveria ter sido negociada previamente.

A Caixa infringiu a Convenção Coletiva de Trabalho, da qual é signatária, quando tentou impedir a entrega do material aos seus empregados. A cláusula 37ª garante o livre acesso do dirigente sindical nas unidades de trabalho, bem como a entrega de materiais de interesse do trabalhador.
“Absurda, a atitude da Caixa é sim um ato de censura, o que condenamos com veemência. Não cabe à Caixa interferir em nenhum material produzido pelas entidades sindicais”, afirma o diretor do Sindicato Adilson de Sousa, que também empregado da Caixa.

A pesquisa

O Sindicato reforça a importância de a categoria responder o questionário para subsidiar a elaboração de políticas de prevenção em saúde e a formulação de propostas para a negociação coletiva com os bancos.

O questionário abrange situações que envolvem todo o ambiente laboral, da relação interpessoal com a chefia até motivos pelos quais se deram os afastamentos de trabalhadores e a sua duração, passando pela questão das metas abusivas e do assédio moral.

O levantamento também está disponível no site do Sindicato para os bancários associados. A entidade orienta que os trabalhadores respondam às perguntas via computador pessoal, eliminando a possibilidade de monitoramento por parte do banco. As informações serão mantidas no mais absoluto sigilo.

Thaís Rohrer
Do Seeb Brasília

Anúncios

Sobre Blog dos Bancários

Bancário
Esse post foi publicado em Noticias. Bookmark o link permanente.